570 - MAIS UM OBREIRO



Mais um obreiro escuta
A tua voz, Jesus,
E quer entrar na luta,
Seguindo tua luz;
Tem força diminuta,
Mas, crendo em tua cruz,
Os planos executa,
Que teu amor produz!

Senhor, desperta e chama
Ceifeiros mais e mais;
Pois tua vinha clama
Por servos mui leais,
Que levem tua fama
De amor, perdão e paz
Ao mundo que Deus ama
Com graça e amor veraz!

Ao servo teu dá graça
E vida de poder;
Que a tua obra faça,
Visando o teu querer.
Protege-o da desgraça
De sua fé perder;
Reveste-o da couraça
Do teu real poder.

Concede-lhe justiça
E um nobre coração;
Que escape à vil cobiça
Em toda ocasião;
Que tenha fé submissa,
Contigo em comunhão,
Fiel na santa liça,
Vencendo a tentação.